quinta-feira, 9 de julho de 2009

Ainda sobre Nada



De tudo haveria de ficar para nós um sentimento
longínquo de coisa esquecida na terra -
Como um lápis numa penísula.

Trecho de " Arte de infantilizar formigas";
Livro sobre Nada. Manoel de Barros

6 comentários:

Patrícia de Medeiros Nóbrega disse...

Gostei demais dos croquis, mas especialmente do trecho do livro...me fez lembrar e pensar em algumas coisas...talvez vire poema, talvez não.

Continue postando que está fantástico

Marcello de Oliveira disse...

Boa noite!

Prezado Michel, uma alegria conhecer seu blog. O Eterno resplandeça o rosto Dele sobre ti, e continue lhe dando inspiração ´para produzires ótimas artes como estas que visualizei em seu blog.

Leia o Sl 36.8,9

Nele, Pr Marcello

Visite: http://davarelohim.blogspot.com/

e veja o texto:

A Trindade em Isaías 63

P.s>>> Caso vc se identifique com o blog, torne um seguidor. Será uma honra!

Grato

Michel Carlos disse...

Obrigado amigo

Patrícia de Medeiros Nóbrega disse...

Como está desatualizado, lembrei do teu blog um dia desses, perdeste o gosto pelo desenho?

Acho dificil, né? Muito ocupadao para criar? Trabalhando ou estudando muito?

Abraços,

Patrícia de Medeiros disse...

Ei guri, como está o Chile?

Anônimo disse...

Michel, você já merece uma exposição.

Marco di Aurélio

 
Contador de visitas

Contador de visitas